quinta-feira, 11 de dezembro de 2008

poema: primeiras impressoes

primeiras impressoes

-nesta vida cheia de solidao
subimos altas montanhas,
la de cima atiramo-nos ao chao
e mudamos de estrategias;de artimanhas.
costumamos subir e descer avenidas,
despir a blusa para dar ao proximo,
acreditar em anjos e em promessas esquecidas.
luzes da vida que nunca estao acesas,
e levam com elas o brilho das certezas;
memorias que nos perseguem,
labios murmurando palavras;
joias nos olhos de quem amamos,
palavras orgulhosas em tudo o que citamos,
sangue ferve nas nossas veias,
como as aranhas tecem as suas teias.

GI

1 comentário:

Páginas com sentimento disse...

Subir e descer é uma constante da vida. Não esqueçamos que os tombos podem servir de impulso ara subirmos mais alto.
Bom fim de semana, Gi.